AVALIAÇÃO ECOSSISTÊMICA DO MILÊNIO (AEM)

A Avaliação Ecossistêmica do Milênio (AEM, do original em inglês MA) é um programa de pesquisas sobre mudanças ambientais e suas tendências para as próximas décadas, lançado em 2001, pelas Nações Unidas e concluída em 2005, há um custo de 24 milhões de dólares. O estudo teve como foco o uso e depredação dos recursos naturais do planeta. O relatório inicial alerta que o planeta está atingindo um grau irreparável de depredação de seus recursos naturais, pois estamos vivendo além dos nossos meios.O relatório conclui que as consequências negativas desta degradação podem se agravar significativamente nos próximos 50 anos.
O quadro a seguir, apresenta a forma como nossa sociedade tende a substituir elementos naturais oferecidos pelos chamados “serviços ecossistêmicos” por aparatos tecnológicos, sem entender que eles coexistem e caminham juntos para garantir condições fundamentais para o bem-estar humano.

Entenda o significado do gráfico apresentado, assistindo ao vídeo:

Confira o “Relatório-síntese da Avaliação Ecossistêmica do Milênio”, em Português, no endereço:
http://www.maweb.org/documents/document.446.aspx.pdf

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Quem é o SUJEITO ECOLÓGICO

Estudo de Impacto Ambiental (EIA/RIMA)